Como lidar com o choro do filhote.

June 20, 2017

 

 

   

Olá amigos e seguidores da Clinical Pets! Como estão?

 

    Hoje queremos abordar um assunto de interesse a quem já adotou ou pretende adotar um pet.

 

    Há algumas situações que propõem certos desafios ao tutor que adota pets que ainda são filhotes. Por exemplo: O choro do cãozinho durante a noite, que não deixa ninguém dormir dado o barulho e a preocupação que isso nos dá.

 

    O tutor,  por ser seu responsável, muitas vezes fica angustiado diante de uma situação como essa, primeiro por não saber interpretar o significado daquele choro, e segundo por não saber como lidar com esta situação. É por isso que é muito comum o tutor cometer inúmeros erros, com atitudes que não resolverão sua angústia e nem a do seu pet, apenas criarão mais problemas em razão disso.

 

    Para ajudá-los nessa tarefa, de maneira simples e objetiva vamos dar algumas dicas. Primeiro: se existir a possibilidade, não tire o filhote da convivência de seus irmãos e mãe antes de completar o período necessário para o desmame.

  • O período de desmame para os pichanos ocorre normalmente por volta de 4 semanas, quando seus olhinhos já estão abertos e conseguem se locomover sobre suas patinhas.

  • No caso dos cachorros esse período se dá por volta de 49 dias quando apresentam os mesmos sinais de independência dos gatos.

   Cuidar no bem estar do seu pet é contribuir para o seu próprio bem estar, pois uma vez que ele esteja confortável não demandará tanto a sua atenção.

 

    Vejamos, se você não souber exatamente a idade desse filhotinho (de repente você o encontrou na rua), basta observar seu nível de desenvolvimento (porte, se os olhos estão abertos, se consegue se equilibrar sobre as 4 patinhas...) e isso dará uma idéia aproximada de sua idade.

 

    Segundo: é normal que no inicio, os filhotes chorem muito por estranhar o “ambiente novo”, já que até então estavam cercado pelos irmãos e mãe, por isso providencie uma cama quentinha e confortável (tentando reproduzir o conforto e aconchego que tinha com sua ninhada), assegure que sua alimentação esteja adequada (gradualmente ofereça alimentação umidificada no leite – em alguns casos não é adequado oferecer leite de vaca então consulte seu veterinário - , diminuído a quantidade de leite pouco a pouco, até que ele esteja habituado a alimentação sólida).

 

    Terceiro: não leve o filhote para cama ou sofá quando ele chorar, pois isso fará ele aprender que toda vez que chorar terá esse tratamento, e logo, a tendência será chorar mais e mais alto.

 

    Quarto: dê brinquedos e proponha atividades para que ele gaste bastante energia durante o dia e assim tenham um período de sono mais longo durante a noite.

 

    Com essas dicas seguramente seu pet se acostumará rapidamente a esse novo estilo de vida e estará adaptado ao novo ambiente.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes

August 1, 2017

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

(11) 4225-1378

clinicalpets.atendimento@hotmail.com

AV Conde Francisco Matarazzo 615 S.C.Sul -SP

Autorizada para a aplicação em finalidade veterinaria da Ozonioterapia